Como criar uma Loja Virtual do 0?

Atualizado: Jun 5

Muitos empreendedores enxergam nas vendas online uma forma de sair da estagnação e aumentar o faturamento de forma significativa, porém ainda se prendem a um ponto de vendas físico por não terem conhecimento o suficiente para começar um e-commerce do zero.

Antes de qualquer coisa, é importante que você entenda que vivemos em uma era onde 10 de 10 pessoas estão conectadas. Dessa forma, enfrentar filas, ter que ficar horas procurando lugar para estacionar sem sequer ter a certeza de que encontrará o produto desejado naquele estabelecimento faz com que as pessoas percam aquele antigo medo de comprar pela internet.

Ou seja, as lojas virtuais se tornaram uma das primeiras opções de compra da sociedade. E, consequentemente, se você está fora desse mercado, as chances de vender uma nova fatia de clientes é bem menor. Portanto, se você tem vontade de mergulhar de cabeça na construção de um negócio online, mas ainda tem muitas dúvidas sobre o assunto, esse texto te dará as respostas que você precisa e o caminho certo para começar um e-commerce do zero de sucesso.

O quanto você pode crescer com as vendas online?

Só para ilustrar exatamente o que eu te disse anteriormente, em 2018, o faturamento dos e-commerces brasileiros somam R$53,2 bilhões. Esse valor representa exatamente 123 milhões de pedidos.

E para 2019, a expectativa é de um aumento de 15%, o que significa a soma de R$61,2 bilhões. Consegue imaginar que uma parcela desse valor estará sendo direcionado ao seu bolso, caso tenha um espaço online?

E não é só isso! Preste atenção em como você passa a estar na frente do mercado quando abre as portas de um negócio online:

É uma opção para seu cliente 24h por dia;

Consegue vender para qualquer lugar do Brasil;

Permite que uma compra seja finalizada em poucos minutos;

Seu cliente não precisa enfrentar filas;

Seu cliente pode somente dar uma olhadinha no preço sem que tenha um vendedor querendo te dar atenção;

Entendeu agora todos os benefícios que você pode alcançar por simplesmente ter um loja virtual?

03 principais passos para abrir começar um e-commerce do zero

Vamos ao que interessa! Alguns empreendedores quando se deparam com esses números acima agem por impulso e acabam perdendo dinheiro. Sabe por quê? Porque esquecem do principal: ter um planejamento de tudo que deverá ser feito antes de tirar essa ideia do papel. Dessa forma, aqui vão 3 passos que você precisa dar atenção antes de realmente investir seu dinheiro.

O que você pretende vender?

Caso você já tenha uma negócio físico, provavelmente seu produto será o mesmo. Porém, se você está abrindo o seu primeiro empreendimento, é importante analisar o mercado e entender o que está em alta, o que é considerado um produto sazonal, quais os melhores fornecedores, como você vai manter o seu estoque em dia e todas as demais questões burocráticas de vender um determinado produto.

Assim, é importante lembrar que se tratando de um negócio online, você não precisa se limitar somente a um produto. Mas é sempre importante ter foco para que as campanhas de conversão pelo Facebook Ads e Instagram Ads tenham um público específico e bastante semelhante.

A procura das melhores plataformas para começar um e-commerce

Se você estivesse abrindo um negócio físico, claramente teria que ir em busca de um terreno. No qual esse lugar teria que ser acessível para o seu bolso e para o seu público, certo? Ao abrir um e-commerce, essa etapa também deverá existir. Por isso, é necessário ir atrás de recomendações de especialistas do mercado, conhecer a fundo o que as plataformas tem para oferecer e definir aquela que mais se aproxima dos seus objetivos.

Outro detalhe importante é sobre as tecnologias que estarão do seu lado. Uma vez que se vende online é necessário pensar em formas de pagamento facilitadas e seguras. Claro que o ideal é oferecer várias formas de pagamento, mas caso você não consiga trazer isso para seu e-commerce, logo no começo, é importante estudar a forma que os seus clientes mais utilizam.

Pense em uma equipe

Há quem diga que o “feito é melhor do que o bem feito”. Porém é importante que seu e-commerce cumpra alguns requisitos básicos, como: ter boas fotos, descrições bem detalhadas, entregas eficientes, formas de pagamento facilitadas, campanhas de marketing bem estruturadas, um layout atraente, uma plataforma com boa navegabilidade e um estoque que consiga atender as demandas. Para isso, é importante que você tenha bons parceiros e alinhados para que seu negócio não seja um fracasso.

Assim, caso você opte por tomar conta de boa parte destas tarefas, é importante que você tenha mentorias com especialistas e profissionais que realmente entendam do assunto para que eles possam te mostrar o caminho do sucesso.

Portanto, agora que você já sabe o passo a passo de um planejamento para começar um e-commerce do zero, talvez se interesse em ler um texto que também pode ser um empurrãozinho para suas vendas online:

Estratégia Para Atrair Seguidores E Clientes No Instagram

Espero que tenha gostado dessas dicas e estarei torcendo para que sua empresa aumente o faturamento através do mercado online.



Sobre o autor:

Artigo produzido em parceria com a E-commerce Rocket